Rejeição Sexual

Compartilhe

 

O irmão Isaque de Oliveira Campos enviou-me um texto, na coluna “Envie Sua Carta” com os seguintes dizeres:

Olá irmão a paz do Senhor.
 
Olha gostaria de saber do senhor, o que leva uma pessoa a rejeitar o outro na cama dizendo que ñ sente nada ou até mesmo nojo quando o esposo a procura para fazer amor. Uma pessoa comentou com minha esposa sobre esse fato que está ocorrendo com ela ultimamente. O que essa pessoa necessita?
 
Abraços!
 
Bem, irmão Isaque, este relato está muito vago. Todavia, vamos tentar apresentar possíveis soluções. Existem diversos fatores que levam uma mulher a rejeitar o marido ao ponto de sentir nojo dele. Vamos analisá-los:
 
Primeiro – O que leva alguém, de uma forma geral a sentir nojo do outro?
 
Resposta: A falta de higiene; a falta de caráter; a grosseria, etc…Este é um ponto.
 
Segundo – O que leva uma mulher a rejeitar o marido? – O esfriamento no relacionamento conjugal; a falta de sabedoria da mulher que não percebe que seu esposo tem necessidades afetivas e sexuais;  a falta de sabedoria do homem que não sabe conduzir um relacionamento sexual de forma agradável e, desentendimento no relacionamento diário entre o cônjuge, além de outros.
 
Na verdade, tudo isto é resultado da falta de diálogo entre o casal. Pois, se o marido não tem higiene, cabe à mulher orientá-lo e exigir dele que ele deixe de ser seboso. Se é falta de caráter da parte dele, cabe a ela ser franca com ele e exigir uma mudança de postura, caso contrário separe-se. Ninguém é obrigado a conviver com alguém que não tem caráter. Se é grosseria, cabe à mulher conquistá-lo, e colocar as coisas a limpo, ao invés de fazer greve de sexo.
 
Se houve esfriamento no relacionamento conjugal, os cônjuges devem procurar urgentemente um meio de aquecer esse relacionamento, criando circunstâncias que propiciem esse reaquecimento, tal como uma viagem, um passeio, a participação num encontro de casais ou algo do tipo.
 
Porém, além de todos esses fatores citados, dentre os casos que temos tido conhecimento, o que mais acontece é  o fato de a esposa não entender a importância do sexo para o homem e a importância do sexo para o casamento e manter-se fria, rejeitando o marido e ficando dias e dias sem relacionamento sexual. Este é um comportamento totalmente equivocado e que certamente vai ocasionar trágicas consequências para o casamento. O homem vai suportar isto até um certo ponto, mas pode chegar a uma situação totalmente intolerável e partir para realizações de fantasias extra-conjugais.
 
A menos que o homem tenha problemas de saúde, o normal para um homem é manter um relacionamento sexual ativo. Em média, os homens precisam de ter relação sexual de três a quatro vezes por semana. A mulher que faz sexo apenas algumas vezes por mês está causando no seu esposo uma insatisfação e não tem nada neste mundo que preencha a lacuna deixada pela falta de sexo. Nenhuma atividade física, esportiva, entretenimentos, jogos, nem mesmo uma vida diária de consagração, é suficiente para preencher esta lacuna.
 
A mulher precisa entender isto e procurar satisfazer o apetite sexual de seu esposo para que ele não tenha desculpas para uma relação extra. A esposa que não concorda com isto e não se entrega ao prazer sexual sadio, com o seu esposo, está entregando-o ao pecado. Não tem santo que resite a uma tentação quando se sabe que em casa não vai encontrar amor, carinho e sexo.
 
Da parte do marido, é importante que ele saiba conduzir o relacionamento com sua esposa com sabedoria, sendo agradável, atencioso, romântico e atraente. Tem homem que não se importa com os sentimentos de sua esposa. Uma esposa quente na cama, se conquista desde que o dia amanhece. A cama é, e deve ser, a coroação de tudo o que aconteceu durante o dia ou durante determinado período. Mulher não se aquece mostrando-lhe o membro masculino, por mais viril que ele seja. Mulher se aquece com tratamento honroso, carinhoso e atencioso. Uma mulher bem amada, será sempre uma mulher pronta para satisfazer o seu esposo.
 
Portanto, caro Isaque Campos, algum desses fatores pode estar contribuindo para a “rejeição” que essa pessoa de quem você ouviu falar esteja demonstrando. A não ser que ela, propositalmente esteja pedindo para ser traída. Ou seja, ela pode estar contribuindo para a desgraça do seu casamento, forçando seu esposo ao adultério.
 
É a minha sincera opinião, em Cristo,
 
Ev. Sandoval Juliano – 19.07.2010.
 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *