A Mediocridade e a Falta do Cumprimento do Dever

Compartilhe
                                                                                                                    

“É preferível um inimigo instruído a um amigo ignorante, pois não há nada pior do que um ignorante”). La Fontaine


        O Grupo Guararapes tem batido, tem escrito, tem pregado e tem mostrado que o nosso maior problema
é a mediocridade e a falta do cumprimento do dever.
O MEDÍOCRE tenta colocar a culpa no outro e não faz a sua parte. O Serviço Público sofre dessa doença terrível. Pode-se entrar em qualquer repartição do Páis e onde tiver um quadro ao se passar a m]ao na parte de cima de cima e contra-se poeira acumulada. Na repartição, tenha um ou dez funcionários, ninguém acha que é responsável e assim as coisas vão se deteriorando.
Há um caso interessante que ficou conhecido como o cado do PARAFUSO NA DOBRADIÇA. Um chefe fez inspeção nos armários dos alunos. ao abrir um dos armários com a segunda via da chave encontrou a falta de um parafuso na dobradiça.
Depois do jantar o inspetor reuniu um grupo de jovens e o dono do armário começou a falar. Era um jovem entusiasmado e tinha a solução para os problemas do Brasil e do mundo. Os companheiros rindo e alegres com a quantidade de palavras do amigo.
Terminando sua fala o inspetor entrou com a argumentação:
– Jovem, você é admirável. Em pouco tempo você conseguiu resolver os problemas do mundo e do nosso Brasil com suas idéias brilhantes. vejo que seus amigos estão vibrando com o seu saber, mas o amigo não consegue resolver, de fato, nem seus próprios problemas.
O jovem retrucou:
– Não tenho problemas, que eu saiba.
O inspetor prosseguiu:
– tem sim, jovem, falta um parafuso na dobradiça do seu armário.
– Me pegou, respondeu o jovem… e a roda de amigos se desfez.
O nosso país tem sábios demais, mas colocam não tem quem coloque o parafuso na sua própria dobradiça. A mediocridade é a grande responsável por tudo isto.
O Marechal FOCH afirmou: “Comandar é ver detalhes”. Ninguém olha e assim tudo vai se acabando.
Um outro inspetor foi visitar uma escola. Na entrada a diretora o recebeu. Na parede de frente para a porta pendia um CRUCIFIXO torto. O inspetor falou para a diretora:
– Não preciso ver mais nada. Se na entrada a CRUZ com a imagem de CRISTO se encontra torta, imagine-se como deve se encontrar o fundo da escola.
E foi-se embora.
Vamos colocar o parafuso na dobradiça e acertar o crucifixo na parede que muitos dos nossos problemas serão resolvidos.   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *