Amor, Gozo e Paz

Compartilhe

 

                   Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Gálatas 5:22

No texto “Considerações Sobre o Fruto do Espírito”, dissemos que o fruto do Espírito é o resultado natural da habitação do Espírito Santo em nós. Se o Espírito Santo está atuando em nossa vida e no meio da Igreja para comunicar e revelar a vontade de Deus e para imprimir em nosso ser as marcas indeléveis de Cristo, ou seja, para produzir em nós a imagem de Cristo – 2Co 3:18 , então é perfeitamente crível que o AMOR, o GOZO e a PAZ sejam as primeiras três virtudes a serem produzidas e manifestas em nós, pelo Espírito. Vejamos, portanto, as três primeiras virtudes geradas pelo Espírito Santo na vida do cristão, que compõem o fruto do Espírito de Gálatas 5:

AMOR – Na maioria das traduções que possuímos em nosso idioma a palavra amor foi substituída por CARIDADE. Isto se dá em razão de que o amor não deve ser apenas um SENTIMENTO, mas, especialmente uma ATITUDE. Caridade é o amor em ação. E, não se trata de um amor que precisa ser praticado para que se fortaleça, mas, de um amor que se manifesta, que brota de um coração puro, sem pretenções. O amor que se manifesta como fruto do Espírito é de tal forma especial que mesmo que a pessoa nada diga ou nada faça, irradia amor. O amor como fruto atrai as pessoas a Cristo e não  apenas a quem o está demonstrando. Como resultado da caridade as pessoas por ela alcançadas, sentem desejo de servir a Cristo. A pessoa através de quem o amor fluiu não espera com isso qualquer recompensa…

GOZO – A alegria indizível que brota no coração do crente e o faz cantar, chorar e sorrir, falar em outras línguas, cantar cânticos espirituais, acontece e se manifesta quando o crente vê o resultado do agir de Deus na vida de alguém e especialmente na Igreja do Senhor Jesus. Em Isaías 53 diz que Cristo veria o resultado de sua obra, se regozijaria e ficaria satisfeito. Não é a mesma alegria que se tem quando se ganha um presente de elevado valor, ainda mesmo que seja um prêmio da mega sena. Não é a mesma alegria porque o gozo no espírito acontece mesmo e especialmente quando o Reino de Deus é que está sendo beneficiado e não a pessoa que está cheia de gozo. Qualquer pessoa fica alegre porque se deu bem, porque foi promovido, porque foi aplaudido, porque conquistou o primeiro lugar. No entanto, somente os crentes espirituais se alegram quando vêem uma alma se rendendo a Cristo; quando contemplam a libertação de um oprimido de Satanás; quando ouvem um testemunho de um dos grandes feitos de Deus, ainda que o “grande feito” pareça sem importância para os carnais. O crente se alegra quando ouve uma mensagem que vem do trono da graça. O gozo, como fruto do Espírito não é produzido em shows, por causa dos efeitos especiais, nem com técnicas orais bem elaboradas por um excelente pregador. O gozo do Espírito acontece, muitas vezes, nos momentos mais solenes, de meditação na Palavra, de louvor e adoração e na maioria das vezes, quando estamos no jardim da oração…

PAZ – “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou. Não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração” – Jo 14:27 . Não é a paz que se sente dentro de uma banheira de hidromassagem, por estar dentro da banheira de hidromassagem. Ou seja, não depente de circunstâncias externas e nem das condições financeiras que a pessoa esteja gozando naquele momento. A paz, como fruto do Espírito é a serenidade que nosso coração sente, mesmo diante da mais adversa situação. Na bonança ou em meio a provas e tribulações, com  saúde ou no leito de um hospital, tendo sido ou não aprovado no concurso, estando ou não em boas condições financeiras, sendo leigo ou mestre no tema que se está debatendo… A paz de Cristo é gloriosa porque ela guarda os nossos corações e os nossos sentimentos – Fp 4:7 . O sábio Salomão já havia dito: “De tudo o que se deve guardar, guarde o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida” – Pv 4:23 .

Portanto, meu amado e querido irmão, ou irmã, ore pedindo ao Senhor que faça fluir no teu inteiror o amor, o gozo e a paz. Aí, sim, o cristianismo fará sentido em tua vida. A vida será mais colorida e viveremos um pouquinho do céu aqui na terra!!!

 

Em Cristo, Sandoval Juliano – O Presbítero – 02.11.2011

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *