Reflexão

Compartilhe

 

Pois é, Malco, e agora, o que fazer com o homem que você considerava inimigo e lhe restituiu a orelha?

Ficar indiferente?

Isso seria rejeitar a graça, e, rejeitar a graça é uma desgraça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *